17º salão São Paulo de Turismo já tem datas

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Marque em sua agenda para você não faltar.
Em mais outro ano, estaremos tendo a oportunidade de visitar essa feira que se tornou tradicional. É a exposição pioneira em exibir apenas cidades de interesse turístico, ou com potencial ou com atrativos, e dentre as melhores do Estado de São Paulo.
Realmente, inúmeras cidades paulistas foram se descobrindo com os seus atrativos turísticos. Se já tínhamos 70 cidades Estâncias Turísticas, hoje nós acrescentamos outras 140 agora denominadas popularmente como “MIT”, mas que na verdade se tratam dos ‘Municípios de Interesse Turístico’. Aprovadas tecnicamente, elas estarão recebendo tal título oficial por parte do Governo paulista.
A hora e a vez do Interior
Assim, nossas cidades do Interior terão a chance de se mostrar no Salão São Paulo de Turismo, ao mesmo tempo em que os profissionais da área e o público em geral poderão tomar conhecimento das novidades atualmente oferecidas.
A Exposição terá lugar no Centro de Eventos São Luís, na região da Avenida Paulista, das 10h às 18h, nos dias 21, 22 e 23 de junho de 2017, com entrada grátis. Reserve o espaço da sua cidade hoje mesmo: (11) 3758-0142 e (11) 2532-2495.
Estação da Sorocabana
A Estação da Sorocabana, antiga mas imponente.
Dessa forma sempre foi conhecida a Antiga Estação Julio Prestes, um edifício projetado pelo arquiteto Christiano Stockler das Neves e construído pela Estrada de Ferro Sorocabana entre 1925 e 1938.
Hoje, a Estação Julio Prestes faz parte de uma das linhas da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos, e continua bonita e imponente nas proximidades da famosa Estação da Luz.
A Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo está também instalada naquele edifício. Em 1999 ali foi inaugurada a “Sala São Paulo” um local de concertos da Orquestra Sinfônica do Estado, e a qual é considerada uma das melhores da América Latina.
O prédio é um dos cartões postais da capital paulistana.
NS Conceição de Itanhaém
Igreja e Convento N. S. da Conceição é uma construção de 1713 e uma das atrações da cidade litorânea de Itanhaém, a 112 Km da capital.
Esse patrimônio histórico fica no alto do Morro Itaguaçu e tem se tornado um dos grandes pontos de peregrinação do Brasil.
Construído em dois pavimentos, o convento possui vitrais de Benedito Calixto e azulejos com arabescos pintados. Visite Itanhaém.
Estância Turística de Batatais
A cidade de Batatais, hoje um Estância Turística oficial, meia hora distante de Ribeirão Preto, faz parte do que chamamos o “Roteiro de Portinari”. Na principal praça de Batatais, onde também está a Igreja Matriz, encontramos um bonito e agradável jardim.
A diferença de outras praças é que essa contém diversas esculturas em plantas, arte que é conhecida como ‘Topiaria’. Inicialmente as obras eram modeladas por Jorge Sandrin artista plástico que, quando faltou, o jardim passou a ser tratado por Paulo Bérgamo, artista plástico contratado da própria prefeitura.
Todo o jardim tem as características do jardim francês, por sua vez associado ao passado da monarquia francesa. O jardim, com plantas esculpidas, representava o controle do monarca, inclusive, sobre a natureza. Por tudo isso, você deve incluir Batatais na relação das cidades que você precisa visitar e curtir.

Outros atrativos de Batatais


Construída a partir de 1893 e passando por reformas até 1954, toda imponente em frente aos jardins com ‘Topiaria’, você precisa visitar a principal igreja de Batatais em estilo neoclássico, hoje um Santuário, em cujo interior está o maior acervo de obras sacras de Cândido Portinari.
Além de tal acervo, você notará a beleza da parte interna, tanto quanto os seus vitrais. Em 1949, o então responsável pelas obras, o arquiteto italiano Carlos Zamboni, convidou Portinari para realizar as pinturas naquele templo religioso, foi quando surgiram os grandes painéis ali expostos e a ‘Via Sacra’.
Batatais oferece vários outros atrativos turísticos como a Estação Cultura, o Museu Washington Luís, a Biblioteca Altino Arantes, o Lago Artificial, o Parque Náutico, a Cachoeira dos Cayapós, etc.
Você vai notar, também, o carinho do acolhedor povo batataense.   

Veja também

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *